Você usa o Skype?

Loading...

Pesquisar este blog

Seguidores

Páginas

Total de visualizações de página

Postagens populares

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

Lá , como cá, um governo de mentiras: um Ministro de Chavez fala contra o capitalismo vestindo grife Luis Vuitton!


A dica foi no www.noblat.com.br, mas o vídeo acima é mais detalhado, e mostra o ministro chavista do interior tentando explicar como se pode ser contra o capitalismo ao mesmo tempo que veste produtos Luis Vuitton, uma das grifes mais aristocráticas do mundo do consumo. Parece coincidência , mas leiam o que escreví hoje, respondendo a uma pergunta de meu amigo veneziano Angelo Zaniol, que, de longe, da Itália, se confunde com as contradições Lulistas: como pode um aclamado lider operário (kkkk,...risos,...kkk), agora todo poderoso, infligir uma greve de fome a um bispo católico com quem havia se comprometido anteriormente na paralização da suspeitíssima transposição do Rio São Francisco. Interessante notar que, durante a campanha presidencial que levou-o a um segundo mandato, o tema da transposição nunca foi mencionado.Tão logo se iniciou o segundo e internacionalmente intinerante período império - presidencial, ele dá início à nefanda construção, convocando, pasmem senhoras e senhores, tirem as crianças da sala, nada mais nada menos, o exército brasileiro. O texto a seguir pode parecer longo, mas poderá ser muito útil nas próximas eleições...O título original é: O QUE ACONTECE ALI REALMENTE?
Amigo Zaniol,

Desculpe me o atraso da resposta, mas estive trabalhando intensivamente em eventos nos últimos dias, e pouco tempo tive de acessar as minhas caixas postais.

Você deve ter percebido pelos textos com que encabeço os e-mails a mim enviados por Frei Gilvander, que demonstro uma peculiar animosidade ao Lula , soi disant líder máximo brasileiro. Neles, nos meus textos, admito a mea culpa, maximórum culpa, por ter demorado tanto em livrar-me de alguns paradigmas absolutamente falsos que trouxe do longínquo tempo de líder do movimento estudantil na década de 60, herdados de um recalcitrante pseudomarxismo, emocional e ralo, pois na verdade nunca lí profundamente os grandes clássicos do proletariado.Ainda bem, pois vários dos meus amigos da epoca que assim o fizeram estão bem sepultados e outros, enterrados no tempo, desaparecidos da História. Uma coisa foi a repulsa cívica contra a ditadura, outra foi o engajamento de parte de meus amigos naquilo que se chama por aqui de luta armada, e na Itália, brigadistas. Nunca fui além do que a minha consciência permitia, e além de extremado, já na época tive provas de que todo o .processo era amadorístico, falho, fraudado e furado como uma peneira.Quer dizer, os torturadores da ditadura militar sabiam de tudo o que acontecia nos grupelhos de esquerda que desabrocharam em grande quantidade.Era uma outra época, Cuba era uma esperança e não a canoa furada que a trajetória do tempo acabou por demonstrar, com o fim de todo o bloco comunista.

Não, nenhum fim justifica os meios de se eliminar a democracia e substituí-la .por uma ditadura, seja lá o que for, mesmo as que começam com promessas celestiais. Sobre isso, tenho uma vísão cristalina, e cortante como uma navalha: a esquerda, como a direita, é uma fraude. Não diferem em nada, a não ser numa sutileza no .processo de apropriação dos meios de produção, e a submissão da população ao regime de terror que deles advém.Não sómente Stalin, Hitler, Mussolini, eram psicopatas cevados no poder absoluto, mas Lênin, a múmia sagrada da praça Vermelha, é o pai de todas as atrocidades cometidas contra o povo russo, chinês, os povos europeus submetidos à escravidão, de todos os brigadistas, guerrilheiros, dos bigbrothers de todos os quadrantes. Che Guevara, além de comprovadamente não gostar de tomar banho (era conhecido como El Chancho, o porco) era um psicótico compulsivo-obssessivo, de escassa competência, mesmo no ramo militar em que se arvorava o pomposo título de comandante. Perdeu todas, em todas as oportunidades.El Santo de La Higuera foi apanhado numa armadilha de pegar pardais, e antes de morrer, o seu maior feito foi trucidar alguns pobres e poucos recrutas do exercito boliviano, de emboscada, e não numa batalha às claras. A CIA usou apenas dois supervisores para treinar um punhado de soldados indígenas, transformados da noite para o dia em rangers, e foram eles que o acossaram , pego de maneira bisonha num canyon dos altiplanos.

Esta semana 3 músicos cubanos pediram asilo ao Brasil,
e a maior reinvidicação que fazem é poder comer um bife a cada dois dias!
A esquerda merece um bolero, a la Nora Ney: de fracasso em fracasso.

Lula é uma mentira, um lider popular de vitrine que a mídia ociosa elegeu como um fato interessante, um Lech Walesa (ainda mais incompetente do que o original) dos trópicos, e extremamente hábil no .passado para explorar o beco sem saída atulhado de corrupção e vaidades que os generais brasileiros criaram após vinte e cinco anos de desmandos , tortura, censores e estupidez.E o pior é que votei nele não sómente uma, mas pelo menos QUATRO, até ele conseguir ser empossado, uma vitória infantil que ajudamos a promover, um trabalhador chegando ao extremo posto, os ricos agora iriam ver com quantos sindicalistas se faz uma justiça social. O que vimos foi a cooptação mais rápida da política brasileira, de operário a impulsionador dos lucros dos bancos, da destruição da ética vacilante dos parlamentares, e agora de algoz de nosso rio mais perfeito, o que liga o centro oeste ao nordeste.
Receba e divulgue os e-mails de Frei Gilvander, um digno representante da melhor igreja, um herdeiro de Dom Helder e Paulo Arns, devotado à causa de Frei Cappio, esse sim, um iluminado pela lógica da justiça verdadeiramente social, um pobre entre os pobres,
que deblatera e grita ao mundo o crime que se pretende cometer
contra o nosso maior tesouro:
o São Francisco,
e suas águas que
apelam ao mundo.
Bração do
Guz
17 de dezembro de 2007

Nenhum comentário: